8 de jul de 2012

ENCONTRADO - Sequestro de bebê em Saquarema

ATUALIZAÇÃO: 08/07/2012 -  BEBÊ ENCONTRADO - A polícia encontrou, na tarde desse domingo ( 8) o bebê que havia sido sequestrado na última sexta-feira, em Saquarema, região dos Lagos (RJ) Ele estava com Caco Melo, funcionário do hospital do município, onde a criança nasceu. Segundo a polícia, o homem, que foi preso em flagrante, teria roubado a criança para receber dinheiro de sogro.

_____________________________________________________________


Bebê foi levado por engano, por homens armados, durante tentativa de vingança

O programa SOS Crianças Desaparecidas, da FIA (Fundação para a Infância e Adolescência) disponibilizou um telefone para receber informações sobre o paradeiro de Gustavo Sabino dos Santos, o bebê de apenas cinco dias que foi sequestrado por engano durante uma tentativa de vingança, em Saquarema, na região dos Lagos, na noite da última sexta-feira (6).

O telefone do SOS Crianças Desaparecidas é o 21 2286-8337. Outra opção é ligar para o Disque-Denúncia  (21 2253-1177), que também pode receber este tipo de denúncia. A FIA também divulgou uma foto do pequeno Gustavo.


Sequestro de bebê - ainda sem registro - 4 dias (álbum da família)

Um bebê de apenas quatro dias foi sequestrado na noite da última sexta-feira (6), em Saquarema, na região dos lagos. O recém-nascido Gustavo foi retirado dos braços da mãe por três homens armados e encapuzados, no distrito de Bacaxá.

Segundo a avó da criança, que registrou queixa na Delegacia de Saquarema (124ª DP), Patrícia Sabino, dois homens arrombaram a porta da casa e um terceiro ficou do lado de fora dando cobertura à ação.

Os criminosos perguntavam insistentemente por um homem chamado Marcelo, que teria contraído uma dívida com eles. Diante da resposta de que não havia ninguém com esse nome na família, os criminosos ameaçaram a avó e a mãe do bebê, de 17 anos, e tomaram a criança dos braços da mãe e a levaram como forma de vingança contra o homem que eles pensavam ser o pai de Gustavo.

A família, que vive no km 72 da rodovia Amaral Peixoto, está apavorada. O pai está muito abalado e a mãe ficou em estado de choque. Segundo o delegado Luciano Coelho, ela vai prestar depoimento neste sábado (7).

O delegado informou, por meio da assessoria de comunicação, que policiais da 124ª DP fazem diligências para encontrar o bebê e os autores do crime, que foi registrado como sequestro.

Segundo a polícia, os pais ainda não haviam registrado a criança e a única foto de Gustavo foi retirada pelo celular do pai. O avô da criança, Luís dos Santos, disse que o celular da avó do bebê foi roubado e que, ao ligarem para o número, uma pessoa atendeu, deu risadas e desligou.

— A família está apavorada, o meu filho não sabe o que fazer. Eles estavam com máscaras e a gente não viu quem fez essa maldade.

Para a família, houve um engano. Os familiares acreditam que os bandidos tenham se confundido porque não há nenhum Marcelo na família e eles não contraíram dívida com ninguém.




Fonte: R7 Notícias Rio

0 Deixe sua opinião :

Postar um comentário